MINHA HISTÓRIA DE LEITURA
 
           Meus pais sempre gostaram de visitar os amigos e pessoas da família.Todos os finais de semana reuniam meus irmãos e eu para passearmos na casa de nosso querido tio Zezão,que ficava a três quilômetros da nosssa casa.
           Chegando lá,meus irmaõs e eu nos juntávamos com nossos primos e íamos bater uma "pelada"num campinho ao lado.Mas ao final do dia,já bem perto de retornarmos para casa,íamos para a sala ouvir leituras de romance (atividade costumeira de todos os encontros),na qual eu,um garoto de apenas nove anos de idade,era o leitor principal.Meu tio adorava meu jeito singular de ler,de segurar o romance.E,com uma postura prazerosa,ia narrando as aventuras de amor de Manassés e Marili exposta naquele livro.
          Minha história de leitura, também se baseou nas viagens que eu fazia indo para a cidade.Nós morávamos no interior cerca de vinte quilômetros.Quando meu pai ia fazer compras,aproveitava para ir com ele.Lá,observava os movimentos daqueles pessoas apresssadas,aquela correria incansável de vida moderna.Além de observar o vai e vem daquela gente,ia lendo todos os letreiros que surgia à minha frente,todas as placas,os textos publicitários.Enfim,me encantava com toda aquela produção de letras em suas múltiplas formas e cores.Assim,fui aperfeiçoando ainda mais minhas habilidades no mundo da leitura e consequentemente da escrita,além é claro de frequentar uma escola pública que ajudou muito nesse processo maravilhoso de descoberta.
            Hoje na minha prática docente,busco aprimorar cada vez mais o gosto pela leitura,através de pesquisas e manuseios de diversos livros e revistas.Recentemente,li o livro "os Miseráveis" de Victor Hugo.Só aumentou minha paixão pela literatura,despertando-me  escrever poesias e textos narrativos.A leitura tornou-se uma fonte inesgotável de prazer em minha vida como professor e como um fiel aventureiro leitor/escritor.
                       Robson Silva,fragmentos de minha história de leitura.